Os maiores influenciadores de moda e lifestyle do Brasil

Tudo o que você precisa saber sobre colágeno

14/09/2019 – por We Pick

Um dos suplementos mais consumidos por quem quer manter a pele jovem, bonita e saudável, o colágeno também se destaca por oferecer vários outros benefícios, como amenizar a celulite e deixar as unhas fortes. Nesse sentido, é importante entender como sua produção acontece e como e quais suplementos são capazes de interferir nisso.

Para esclarecer o assunto, o médico nutrólogo Nataniel Viuniski, especialista em obesidade e membro do Conselho para Assuntos de Nutrição da Herbalife Nutrition, explicou as principais funções do colágeno no organismo.

1. Colágeno é uma proteína produzida pelo organismo

Isso mesmo. Ele é uma proteína essencial produzida no interior das células do organismo. Para se ter ideia, cerca de 30% de toda a proteína do corpo é constituída por colágeno, responsável por contribuir para a sustentação e elasticidade da pele, além de participar da saúde do cabelo, unhas, músculos, ossos, articulações, tendões, órgãos, dentina, entre outras estruturas.

2.  O colágeno tem sua produção prejudicada a partir dos 30 anos

Por volta dos 25 anos, começa a existir a perda de 1% de colágeno ao ano. Mas é a partir de 30 anos, que a sua deficiência começa a ser notada, uma vez que se percebe uma diminuição da elasticidade da pele, o aparecimento de marcas de expressão e o aumento da fragilidade articular e óssea. Por isso, é importante repor esse nutriente com suplementos ou alimentos, como bebidas à base de colágeno hidrolisado, capazes de estimular as células a produzirem ele naturalmente no organismo.

3. O estilo de vida influencia na produção de colágeno

Além do fator idade, a produção de colágeno sofre influência do meio ambiente, como a radiação solar e poluição. Mas o estilo de vida da pessoa também contará muitos pontos nesse sentido, como o consumo de álcool e cigarro, uso de medicamentos, estresse, quantidades de horas de descanso, alimentação e exercícios físicos.

No quesito alimentação, é importante apostar em uma dieta rica em alimentos que contribuem para sua produção pelas células, como carne magra, frango, peixe e ovo (especialmente a clara), legumes, verduras, frutas e castanhas, pois eles têm os nutrientes que também participam da formação de colágeno (vitaminas A, C e E, selênio e zinco).

4. Nem todo suplemento de colágeno oferece resultados para a beleza

Estudos1 comprovam que apenas alguns tipos de colágeno na forma hidrolisada são capazes de estimular as células humanas da pele (fibroblastos) a produzirem o colágeno natural, oferecendo benefícios, como a melhora da hidratação e da elasticidade da pele, reduzindo as rugas após 4 semanas de uso contínuo. Isso porque ele precisa passar por um processo de hidrólise específico para que tenha uma afinidade celular com os fibroblastos da pele.

5. As unhas também se beneficiam com o colágeno

Além dos efeitos na pele, o colágeno também pode reverter quadros de unhas fracas e quebradiças.

Estudos mostram que após dois meses de consumo de um tipo de colágeno hidrolisado foi possível reverter quadros de unhas fracas e quebradiças. E após três meses de suplementação, também foi possível verificar uma melhora significativa no crescimento das unhas.

6. O colágeno ajuda a amenizar quadros de celulite

Essa imperfeição é causada principalmente por distúrbios na matriz dérmica juntamente com a gordura subcutânea, formando as indesejáveis saliências e irregularidades típicas da celulite.

E é justamente sobre a matriz extracelular da pele que alguns tipos de colágeno hidrolisado apresentam efeitos benéficos que podem ajudar a reduzir o problema, melhorando a estrutura da superfície da pele e auxiliando na redução da celulite.

Um estudo realizado com 105 mulheres com idades entre 25 e 50 anos mostra que a ingestão de 2,5g de Peptídeos Bioativos de Colágeno® por dia contribui para a redução do grau da celulite na pele após 3 a 6 meses de consumo. A pesquisa também verificou mudanças na densidade dérmica por conta do aumento da elastina e do colágeno proporcionado pela suplementação.

O post Tudo o que você precisa saber sobre colágeno foi publicado por We Pick.

+ Confira outros artigos no We Pick

Deixar Comentário