Saímos do hotel, o que nos levou para nosso segundo lar no deserto, um hostel bem roots que nem vou indicar rsrs. Os quartos eram praticamente iglus MEGA GELADOS. Quando eu vi, logo saquei que passaria frio e falei pra Joana… ela quase congelou durante a noite, mas eu, chileninha que sou, aguentei até bem. […]

O texto acima foi publicado no Futilish.
Acesse o post original no endereço: Diário de Viagem – Atacama Dia 4 Parte 2